Conheça as Etapas de um processo seletivo

Tempo de leitura: 2 minutos

DESTAQUE-SE

Embora haja muitos profissionais qualificados desempregados, as empresas têm muitas dificuldades para encontrar um candidato com o perfil desejado. Na hora de contratar, as instituições valorizam mais as características comportamentais do candidato.

Há duas principais características comportamentais exigidas pelos recrutadores, sendo uma delas adaptação aos valores da empresa e o outro ponto é a proatividade, pois as empresas buscam um funcionário com perfil empreendedor, que traga diferentes alternativas de soluções e que tenha disposição para novos desafios.

ETAPAS DO PROCESSO SELETIVO

Anúncio da vaga: a empresa declara a necessidade de contratar um profissional

– Fontes: locais que disponibilizam os currículos, seja banco de currículos da própria organização ou sites de emprego

– Triagem: Análise das informações do currículos para saber quais profissionais estão capacitados para determinada vaga e assim passar para a próxima etapa do processo

– Técnicas do Processo Seletivo: Atividades aplicadas pele selecionador para avaliar de forma prática as habilidades buscadas no candidato. Dinâmicas de Grupos, Provas Situacionais e Avaliações Psicológicas

– Entrevista: Realizada com quem passou pela triagem, tem como objetivo aprofundar as informações do currículo e conhecer melhor o candidato

– Feedback: Uma resposta dada pela empresa, para que o profissional saiba sobre o seu desempenho e sua situação no processo. É dessa forma que o profissional pode saber os motivos pelo qual foi ou não escolhido pela empresa.

DINÂMICA DE GRUPO

Dicas valiosas de como se comportar em uma dinâmica de grupo e se destacar:

– Aja com naturalidade, revelando suas principais características diante de certas situações;

– Conhecer o máximo possível sobre a empresa;

– Participar do processo de forma espontânea;

– Estar atento ao ambiente, às pessoas e ao que é solicitado, bem como ouvir e compartilhar conhecimentos e experiências;

– Seja participativo e se envolva nas atividades;

– Ouvir e dar espaço para os outros concorrentes e nos momentos adequados, expor as suas ideias e interagir com os demais participantes.

Alguns comportamentos são considerados negativos como: agressividade, timidez, autoritarismo, submissão, passividade, comodismo e rigidez. Já as competências mais valorizadas são: comunicação, liderança, inovação, flexibilidade, relacionamento, mudança, iniciativa, negociação e planejamento.

Caso o profissional não alcance o resultado desejado, o ideal é que ele faça uma autoavaliação para detectar o que pode ser melhorado para uma nova oportunidade.